Historia de Pescador Por João Medeiros
Post:
Tucunaré azul gigante de Presidente Epitácio-SP (dez/2012)

Fala pessoal! Diferentemente da minha última pescaria em Presidente Epitácio-SP que foi em pleno inverno com muito frio, desta vez o mês era dezembro onde calor estava muito forte e teoricamente os peixes mais ativos. Estávamos em quatro, eu, meu irmão Pedro, e meus amigos Bruno e Paulo, chegamos por lá no dia 18 de tarde, descansamos para pescar no outro dia cedo. Mais um vez ficamos na Pousada Orla do Sol do meu amigo Nelsinho, pousada excelente. Acertamos as duplas de barco, e seria eu e o Paulo com o piloteiro Repolho e o meu irmão e o Bruno com o piloteiro Luiz.

Primeiro dia: Como choveu demais nos dias anteriores, o tempo ainda estava nublado e o vento atrapalhando um pouco, mas sem chuva, neste dia tivemos muita ação, só eu contabilizei e peguei 25 tucunarés, a grande maioria bem filhotes, muito pequenos, mais saiu alguns amarelos bonitos. Vale relatar uma cena de um tucunaré-azul enorme, devia ter uns 4kg que errou a bocada na minha isca do lado do barco. Também sairam alguns azuis menores na superfície, principalmente na bonnie 95, valeu a diversão!

Segundo dia: Muito sol e calor, vento muito forte na hora do almoço, neste dia o barco do meu irmão e do Bruno com o piloteiro Luiz acertou uma grande pescaria, nada dos azulões mas eles pegaram muitos amarelos bons e tiveram muita ação, já com nós não foi bem assim, tivemos menos ação e acertamos poucos peixes bons, mas não da pra dizer que foi ruim, com alguns bons peixes até na superfície, como esse amarelão:

Terceiro dia: Nas últimas vezes que fui para Epitácio, o último dia de pesca sempre foi o melhor, e desta vez não foi diferente, para começar muito sol e água espelhada, sem vento, favorece a pescaria mas fez a gente sofrer muito, o calor era muito forte e não tinha nem uma brisinha para refrescar. Começamos o dia pegando muitos peixes e tendo muita ação de tucunarés de tamanho em média maiores que nos dias anteriores, detalhe para um amarelão de uns 2kg que eu briguei um bom tempo com ele e perdi-o na hora de embarcar, e muitos peixes nas iscas de superfície:

E naquele sol do 12h, água espelhada e transparente, estávamos batendo iscas de superfície em um raseiro de algas, calor muito forte, eu e o Paulo já estavamos desistindo e pedindo para o Repolho encostar na sombra para o almoço e o descanso, mas ele disse que ali sempre sai algum azul na superfície, dito e feito, como todo pescador insistente, continuei trabalhando a Bonnie 95, até que um estouro enrome na minha isca faz minhas pernas tremerem, o peixe caiu com corpo inteiro por cima da isca e saiu que nem um louco para dentro das algas, fricção travada e vara trabalhando no seu extremo limite, depois de muita linha tomada e briga, o peixe se rendeu, um enorme tucunaré-azul de 63cm e 4kg:

Vídeo da soltura:

Após esse troféu, apenas destaque para um azulão de uns 4kg que rebojou atrás da minha isca no final da pescaria e o Paulo jogou a Firestick atrás e tomou um grande estouro, engatou o peixe mais o mesmo escapou após saltar, cena linda! Lá pelas 14h o tempo virou e viemos embora mais cedo por precaução e orientação do guia Repolho.

Essa foi nossa pescaria em Presidente Epitácio, muitos peixes, bastante ação e um troféu. Agradeço a Deus por mais uma oportunidade, a meu pai que me deu mais este presente e ao proprietário Nelsinho da Pousada Orla do Sol que nos fez um pacote muito bom e atrativo e ao guia Repolho que mais uma vez me colocou frente a frente a um troféu.

Equipamentos utilizados:

Vara Rapala Platinum 17lb + Carretilha Core 51mg7 + Multifilamento Power Pro Slick 8 fios 30lb + Leader Fluorcarbono 0,45mm

Iscas que funcionaram:

Kingfisher Flash
Brava 90
Bonnie 95
Z-90
Firestick
Biruta 90

Muito obrigado e até a próxima História de Pescador!